Associações pretendem debate por regime único

Diversas associações querem que a Prefeitura forme uma comissão com servidores públicos para debater a implantação do Regime Jurídico Único no funcionalismo público. Caso a Prefeitura regulamente o projeto junto à Câmara sem o consenso das associações poderá enfrentar uma ação judicial contra a lei, conforme disse o advogado Leandro Caetano dos Santos durante debate do Fórum de Associações de Servidores Públicos Municipais, realizado na sexta-feira, 25.

A Prefeitura pretende regularizar todos os servidores públicos como estatutários até o dia 1º de janeiro de 2016.

 

Segundo as associações, os principais problemas são o retrocesso de benefícios trabalhistas como quinquênio e sexta parte, que serão zerados e terão de ser reconquistados; o déficit previdenciário do Instituto de Previdência que pode custar ao trabalhador um salto na contribuição salarial de 11% para 17% e a falta de apresentação de uma minuta com todas as propostas.

Debate – Associações de servidores querem maior participação (Foto: Lucas Dantas)

Fonte: folhametro.com.br / Eurico Cruz

Share This: