CrossFut no Bosque Maia propõe boa forma

Futebol - Exercícios com a bola são frequentes nas atividades realizadas no Bosque Maia (Foto: Beto Martins)

Força, habilidade e resistência. Para quem corre atrás da boa forma, aí vai uma dica do ex-jogador da Wimpro Caio Victor: fazer os exercícios propostos pelo ‘CrossFut’.

A modalidade é ministrada há um ano no Bosque Maia pelo ex-atleta, que jogou por oito anos no time de futsal da cidade. “Hoje, são quase 300 alunos em vários horários”, disse. “As pessoas buscam um melhor condicionamento físico e conseguem aqui”, afirmou o professor.

Os trabalhos de Caio são realizados todas as segundas, quartas e sextas-feiras, com uma hora de duração. A primeira aula da noite começa às 18h. “É muito dinâmico. As garotas adoram porque não tem a monotonia de uma academia”, afirmou. Segundo ele, que é formado em educação física, a modalidade une trabalhos de futebol e exercícios funcionais, além de ser muito dinâmica.

Nas aulas, são mesclados exercícios de velocidade, com força, muitos saltos, e chutes na bola. Tudo isso ao ar livre. “É também um incentivo para os alunos, pois eles sentem o ambiente em que estão inseridos”, disse Victor.

A coordenadora de eventos internacionais Alessandra Marasco realiza as atividades há oito meses no Bosque Maia. “Sempre fiz atividade física, mas nada comparado ao que a gente faz aqui”, disse. Segundo ela, quem faz os exercícios sente a diferença no dia-a-dia. A funcionária pública Viviane Pinheiro Silva concordou. “O professor Caio é meu irmão. Comecei a fazer porque ele me trouxe e não parei mais. Eu adorei os exercícios”, disse.

Fonte. Folha metropolitana

Share This: