Greve dos bancários completa três semanas

Após três semanas, os banqueiros e bancários voltam para a mesa de negociação nesta terça-feira, 27, às 14h. Será a sexta tentativa de acordo. A última proposta foi feita no dia 9 de setembro, onde foram oferecido pagamento de um abono no valor R$ 3,3 mil e um índice de reajuste dos salários e benefícios de 7%. Nos últimos 12 anos, a categoria conseguiu aumento real acumulado, entre 2004 e 2015, de 20,85% e 42,1% no piso.

No final da tarde de sexta, a Fenaban encaminhou um ofício ao Comando Nacional dos Bancários marcando uma nova rodada de negociações para amanhã. O comando respondeu que se reuniria em São Paulo para avaliar a paralisação.

Os bancários pedem por reajuste salarial de 14,78%, sendo 5% de aumento real; Participação de Lucros e Resultados no valor de três salários mais R$ 8.317,90; piso no valor do salário-mínimo do Dieese (R$ 3.940,24); vales-alimentação, refeição, 13ª cesta e auxílio-creche/babá no valor do salário-mínimo nacional (R$ 880); 14º salário; fim das metas abusivas e assédio moral;  fim das demissões, combate às terceirizações e precarização das condições de trabalho, entre outras reivindicações.

 Fonte:https://www.clickguarulhos.com.br

Share This: