Guarulhos abre discussão sobre risco de aves ao tráfego aéreo

Com a participação de representantes do poder público e de entidades civis e militares, a Coordenadoria de Assuntos Aeroportuários (CAA) de Guarulhos promoveu nesta segunda-feira, dia 28, no Auditório do Paço Municipal (av. Bom Clima, 91, no Jardim Bom Clima), o Seminário “Risco de Acidentes Aéreos por Fauna Aviária”, com o objetivo de buscar elementos para a construção de uma legislação municipal específica sobre o tema.

Para o coordenador Marcelo Chueiri, da CAA, a iniciativa foi bem-sucedida pelo fato de contar com os principais atores nessa questão, ressaltando a

participação dos representantes dos aeroportos de Guarulhos, Campo de Marte e Viracopos, além dos gestores públicos das principais áreas envolvidas da Prefeitura.

Segundo ele, na explanação de Renato Pires, do Cenipa, ficou muito claro que o risco de acidentes motivado por aves é muito grande no mundo inteiro, e que no Brasil é um risco permanente, tanto em termos de segurança quanto no de prejuízos financeiros, em função de danos às aeronaves e atrasos.

Legislação municipal

Na oportunidade, também foi abordada a importância de se ampliar a participação das cidades nessa questão. Hoje, existe apenas a lei federal (12725/2012), mas precisa haver uma regulamentação municipal que contribua para minimizar esses riscos. Para isso, está sendo trabalhada uma minuta de lei, por meio de um grupo intersecretarias e com participação também da concessionária GruAirport.

“Em nosso ponto de vista, a maior preocupação é o risco com a população. Os resíduos, lixos, lagos, cursos de água e até empresas que produzem alimentos são atrativos para as aves. É necessário ter normas bem claras, que contribuam para a segurança na região de rota dos aeroportos”, explicou Chueiri.

O evento contou com a participação do diretor de Assuntos Regulatórios da GruAirport, Renato Pires; do tenente-coronel Henrique Rubens Balta, do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aéreos (Cenipa), do coordenador de Assuntos Aeroportuários de Guarulhos, Marcelo Chueiri; do secretário-adjunto de Assuntos Jurídicos, Jorge Luiz Carniti; e Miguel Nelson Choueri, que foi superintendente do Aeroporto de Guarulhos na gestão da Infraero; do arquiteto Roberto Moreno, ex-coordenador de Assuntos Aeroportuários da Prefeitura.

  Fonte :  http://www.guarulhos.sp.gov.br/

Share This: