Guti denuncia falta de médicos ao Ministério Público

O vereador Guti (PSB) entrou com representação no Ministério Público (MP) contra o prefeito Sebastião Almeida (PT) e o secretário de Saúde e também vice-prefeito, Carlos Derman (PT), nesta quarta-feira, 13. A denúncia é a fim de apurar atos que podem incidir em improbidade administrativa com base na Lei Orgânica do Município de Guarulhos, em seu artigo 5º, que assegura ao munícipe o direito à saúde.

Segundo consta na representação protocolada, Guti esteve em diversos equipamentos de saúde pública e colheu materiais que comprovam a frequente ausência de médicos nas unidades de atendimento, a falta de uma fiscalização efetiva por parte da Secretaria de Saúde, assim como a implantação de equipamentos de saúde sem a estruturação necessária ao seu funcionamento.

Guti já havia levado os fatos à Câmara Municipal e especialmente cobrado da Comissão da Saúde uma audiência pública com o secretário. Contudo, até o momento não teve seu pedido atendido.

Para o vereador, é evidente o descumprimento das obrigações decorrentes das funções políticas da Prefeitura e da Secretaria de Saúde.

“Desnecessário dizer que cabe ao prefeito e ao secretário de Saúde gerir, fiscalizar e fazer funcionar o atendimento nas unidades de saúde. Ao negligenciar o direito do munícipe à saúde com a falta de médicos e materiais essenciais, esses estão causando consequências muitas vezes irreparáveis à população”, enfatizou Guti.

Fonte:http://www.clickguarulhos.com.br/

Share This: