Hospital Pimentas Bonsucesso inaugura Central de Telemedicina

O Hospital Municipal Pimentas Bonsucesso, um dos poucos hospitais públicos do Estado de São Paulo especializado no protocolo de atendimento ao Acidente Vascular Cerebral (AVC) com realização de trombólise – técnica utilizada nos melhores centros médicos do mundo para a desobstrução das artérias sanguíneas – inaugurou nesta terça-feira, 17, a Central de Telemedicina em AVC que, neste primeiro momento, vai atender o Hospital Municipal de Urgências (HMU).

Com a inauguração deste serviço pioneiro, o Hospital Pimentas Bonsucesso passa a ser referência no município para este tipo de assistência. A telemedicina vai permitir que o médico do HMU possa obter a segunda opinião formativa da equipe de neurologia do Hospital Pimentas, fornecendo suporte às tomadas de decisão 24 horas por dia, no atendimento de casos neurológicos, especialmente, nas ocorrências de AVC isquêmico.

O contato será feito através da estação de telemedicina que, além de transmitir as imagens da tomografia do paciente para avaliação do especialista, ainda possibilita a realização do exame neurológico à distância. De acordo com o superintendente do Hospital Municipal Pimentas Bonsucesso, Ronald Maia Filho, a intenção é expandir essa tecnologia para outros serviços de emergência do município nos próximos meses. Para tanto, ele explicou que antes será necessário treinar as equipes.

 

“Além de capacitar os profissionais de saúde, também faz parte da iniciativa o treinamento da população para o reconhecimento dos sintomas de um Acidente Vascular Cerebral e para que possa buscar socorro imediato”, disse. O superintendente do Hospital destacou que esse protocolo de AVC é o mesmo utilizado em países como Estados Unidos e Inglaterra. “Em Guarulhos, será um trabalho integrado entre o poder público e uma organização social em prol da população”.

Para a médica Teresa Pinho, secretária adjunta de Saúde, a implantação dessa tecnologia de ponta em um hospital público da cidade foi possível graças à abertura da atual administração para as inovações científicas. “Nosso objetivo é proporcionar sempre assistência com qualidade, dignidade e acessível a todos”, ressaltou.

Acidente Vascular Cerebral
Considerada uma das doenças mais prevalentes no Brasil, o Acidente Vascular Cerebral é atualmente uma das maiores causas de mortes no País, respondendo por aproximadamente 90 mil óbitos por ano, conforme explicou o superintendente do Hospital Pimentas. Segundo ele, estudos mostram que cerca de 80% dos AVCs são isquêmicos; ou seja, obstruem a artéria, interrompem o fluxo de sangue à determinada área do cérebro e interferem nas funções neurológicas, com risco de sequelas e até óbito.
Para preservar a vida do paciente ou evitar sequelas, o médico informa que é imprescindível a administração venosa do medicamento trombolítico para dissolver o coágulo, no espaço máximo de quatro horas e meia após o início dos sintomas. “Sendo assim, o maior objetivo deste projeto é a democratização do protocolo de atendimento ao AVC que, dessa forma, poderá ser levado a uma parcela significativa da população, poupando vidas e evitando sequelas”, destacou o superintendente do Hospital.

O médico Guilherme Del Grande Oliveira, diretor do Hospital Municipal de Urgências, que receberá o suporte da equipe de neurologia do Pimentas, comemorou a iniciativa e revelou que a implantação do projeto de telemedicina em neurologia faz parte de um sonho de sua equipe. “Os pacientes só têm a ganhar com isso”, elogiou.

Hospital Pimentas Bonsucesso
O Hospital Municipal Pimentas Bonsucesso é um hospital geral de médio porte, localizado em Guarulhos, município da Região Metropolitana de São Paulo, com 1,3 milhão de habitantes. Com 135 leitos de internação, oferece assistência de urgência e emergência aos habitantes da região, com média de cinco mil atendimentos mensais no pronto-socorro. Realiza gerenciamento de protocolos de dor torácica, AVC com trombólise e Sepses.

Seu ambulatório, estratificado por risco e integrado com a rede do SUS, atende a cerca de dois mil pacientes por mês, em dez especialidades. Também oferece serviço de reabilitação para pacientes ortopédicos e neurológicos, adulto e infantil, com disponibilização de aproximadamente mil vagas mensais. Realiza ainda cerca de 600 internações, 230 partos, e dois mil exames de suporte diagnóstico e terapêutico todos os meses.

No que se refere à segurança de seus pacientes, o Hospital obteve a acreditação plena da Organização Nacional Acreditação (ONA). Outro diferencial da instituição é o programa de humanização, com brinquedoteca, biblioteca itinerante, primeira foto para gestantes e registro de nascimento, além do projeto Cão Hospitalar, iniciativas que têm tornado o ambiente hospitalar mais ameno para milhares de pessoas que buscam atendimento no local.

Fotos Sidnei Barros/PMG

Fonte:http://www.clickguarulhos.com.br/

Share This: