JAC T5 custará a partir de R$ 59 mil, mas chega só em março de 2016

A JAC afirmou nesta terça-feira (1) que o SUV compacto T5 começará a ser vendido em março de 2016, com preços entre R$ 59 mil e R$ 72 mil. O rival chinês para o Ford Ecosport, que apareceu no Salão do Automóvel de 2014, era esperado ainda para este ano.

A versão de entrada será equipada com o já conhecido motor 1.5 16V, que desenvolve até 127 cavalos de potência (com etanol) e atualmente empurra o J3. O propulsor será combinado a um câmbio manual de 6 marchas.

Já a opção com câmbio automático CVT chegará às concessionárias em agosto, com preço batendo em R$ 72 mil, afirmou a JAC. Será o primeiro modelo da marca chinesa a dispensar o pedal de embreagem no mercado brasileiro.

Na versão mais equipada, o T5 “poderá” ter faróis diurnos, lanternas em LED, ar-condicionado digital, bancos em couro, sistema multimídia de 7 polegadas, câmera de ré e sensor de estacionamento.

Rebatismo
O T5 é vendido na China como S3, mas JAC queria vendê-lo como T4 no Brasil. Por causa do utilitário off-road da Troller, a empresa foi obrigada a rebatizar o modelo para T5, pouco antes da estreia em solo nacional no Salão de São Paulo de 2014.

Com 4,325 metros de comprimento e 2,56 m de distância entre-eixos, o T5 é pouco maior que o EcoSport e menor que o T6, lançado em abril deste ano (veja as primeiras impressões sobre o JAC T6).

Planos adiados
Depois da estreia em 2014, o T5 iniciou testes de rodagem que já duram mais de 1 ano. Segundo a JAC, agora ele está em “fase final”.

A fabricante também adiou o cronograma para a fábrica em Camaçari (BA). A pedra fundamental foi em novembro de 2012, com expectativa de produção em 2014, mas a previsão atual é para início de 2017.

Com isto, os lançamentos também ficaram para depois. Para o ano que vem, a JAC previa colocar no mercado seu terceiro SUV, menor do que o T5. Chamado de T3, ele também teria o motor 1.5 e transmissões manual (6 marchas) ou automática CVT.

O pequeno crossover T3 pode concorrer com Volkswagen CrossFox e Renault Sandero Stepway. Ele ainda é cotado para ser o primeiro modelo brasileiro da JAC, que planeja também produzir um compacto 1.0 exclusivo para o Brasil na futura planta.

Fonte:http://g1.globo.com/

Share This: