ONU quer usar WhatsApp para facilitar identificação de refugiados

Um dos problemas gerados pela grande movimentação de pessoas em busca de asilo em outros países é que o processo de identificação durante a migração é demorado e burocrático, mas isso poderia mudar com o uso do WhatsApp.

É o que pensa o cofundador da Unidade de Inovação do Unicef, o americano Christopher Fabian. Em entrevista à EFE, ele disse que o Fundo das Nações Unidas para a Infância pensa em adotar o aplicativo de conversas do Facebook para facilitar o processo de identificação de refugiados.

Isso seria possível porque o WhatsApp exige um número de telefone para cadastrar cada usuário, o que significa que em algum momento essas pessoas tiveram de informar seus dados pessoais. “Um dos grandes problemas enfrentados constantemente pelos refugiados é o processo de identificação em cada país que eles chegam”, reforçou Fabian.

O WhatsApp já faz parte central do esquema de ajuda a refugiados que tentam migrar para a Europa, conforme revelou esta reportagem do Olhar Digital. O aplicativo, combinado com coisas como Facebook e Google Maps, se tornou importante ferramenta de navegação em propagação de notícias.

Fonte:http://olhardigital.uol.com.br/

Share This: