Paralimpíadas vendem pouco, mas Rio 2016 atinge 74% da meta de ingressos

O Comitê Rio 2016 atingiu 74% da meta de arrecadação com a venda de ingressos para os Jogos. A informação foi divulgada nesta terça-feira pelo diretor executivo de comunicação da entidade, Mário Andrada, associada ao número de 2,75 milhões de bilhetes já comercializados. Houve, porém, uma constatação negativa. Para as Paralimpíadas, competição em que o Brasil tradicionalmente tem desempenho de maior destaque no quadro de medalhas do que nas Olimpíadas, foram vendidas apenas 330 mil entradas – pouco mais de um décimo do montante disponível.

– Foi um número abaixo da expectativa. Estamos envolvidos em várias ações de marketing, engajamento e publicidade para aumentar o diálogo com o público sobre as competições paralímpicas – disse Andrada.

O principal trunfo do Comitê é o preço acessível dos ingressos para as Paralimpíadas. A maior parte das competições têm entradas a R$ 10 reais. As vendas foram iniciadas em setembro do ano passado, com um total de 3,3 milhões de bilhetes disponíveis para 23 esportes.  O limite é de até 20 sessões diferentes por pessoa, com 12 ingressos para as de menor demanda e oito para eventos de maior demanda, como uma superfinal do atletismo ou a disputa do ouro no basquete em cadeiras de roda.

De acordo com o Rio 2016, os eventos com maior procura foram atletismo, natação, cerimônia de abertura, basquete em cadeira de rodas e vôlei sentado. A maioria dos torcedores a comprar entradas até o momento é de Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais, Distrito Federal e Paraná.

As Paralimpíadas serão disputadas de 7 a 18 de setembro, e o Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) tem como meta o quinto lugar no quadro de medalhas. Para incentivar ainda mais os atletas, a entidade pagará até R$ 3 milhões em prêmios aos medalhistas, com R$ 60 mil sendo o maior prêmio por medalha (ouro em modalidade individual). Em Londres, o país terminou a competição no sétimo lugar geral.

COMITÊ LANÇA APLICATIVO E PROCURA VOLUNTÁRIOS

Foi anunciado também nesta terça-feira o lançamento do aplicativo “Meu Rio 2016”. Em um primeiro momento, a plataforma tem um objetivo mais lúdico, com jogos, quiz e desafios, além de um concurso de fotografias com o tema olímpico – as três melhores ganharão pares de ingressos para a cerimônia de abertura das Olimpíadas. O aplicativo será atualizado em breve com informações sobre o revezamento da tocha e, em agosto, também terá calendário e informações sobre as competições olímpicas.

O Comitê informou ainda que segue na busca por voluntários, mas com foco em cargos específicos. A procura agora se concentra em motoristas aptos a realizar o transporte de membros da família olímpica e autoridades, além de pessoas fluentes em árabe, japonês e coreano. Também está em aberto a seleção para o elenco das cerimônias de abertura e encerramento.

ERRATA: Inicialmente o GloboEsporte.com publicou que o número de ingressos vendidos para as Olimpíadas era de 7,5 milhões. A quantidade correta é 2,75 milhões de bilhetes. A informação foi corrigida às 17h18.

Fonte:http://globoesporte.globo.com/

Share This: