Prefeitura tenta evitar greve nas empresas de ônibus já nesta terça-feira

Apesar do impasse existente entre as empresas que compõem o sistema de transporte público de Guarulhos e os trabalhadores, por conta da divulgação da informação sobre os atrasos no pagamento dos salários neste mês, a Prefeitura garante a normalização das atividades do setor nesta terça-feira, dia 5. Empresas alegam problemas econômicos e já anunciaram que não irão cumprir os pagamentos referentes aos vencimentos com prazos no 5º dia útil e também o adiantamento ou vale no dia 20.

Em comunicado oficial, emitido via Guarupass, três empresas que atuam no município e duas que servem a linhas da EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos) sugeriram realizar os pagamentos nos dias 12 e 26 deste mês. Ou seja, a remuneração de março sairia com atraso de até seis dias. Na manhã desta segunda-feira, 4, a direção do Sincoverg, sindicato que representa motoristas e cobradores, esteve reunida com diretores das empresas e da gestora do sistema.
Entretanto, a Prefeitura ressaltou, em nota enviada ao GuarulhosWeb nesta tarde, que está descartada a possibilidade de haver qualquer paralisação das atividades no setor de transporte público nesta terça-feira, 5. O Governo Municipal também esclareceu que está procurando as empresas para avaliar os motivos que culminaram na elaboração daquele comunicado aos funcionários das três empresas que operam na cidade.
Mesmo com a situação constrangedora, a municipalidade entende que tem como prazo limite para fazer o repasse dos subsídios às prestadoras de serviços a próxima quinta-feira, 7, e não considera atraso o pagamento programado para o início deste mês. Ela encerra enfatizando que não admitirá o pagamento aos trabalhadores fora da data.
Fonte:http://www.guarulhosweb.com.br/



							
												

Share This: