Salão do Automóvel de São Paulo mudará de casa em 2016, diz Anfavea

O Salão do Automóvel de São Paulo, o mais importante da América Latina, ganhará um novo endereço já em 2016. Após 46 anos, tendo como casa o pavilhão do Anhembi, na zona Norte da cidade, a mostra migrará para o São Paulo Expo, na zona Sul, segundo a Anfavea, associação que reúne as fabricantes de automóveis.

“Recebemos a confirmação da organizadora do evento, a Reed. O novo espaço, além de maior, irá oferecer mais conforto aos visitantes. Há a expectativa de que o local contará com ar-condicionado”, disse Luiz Moan, presidente Anfavea.

O G1 procurou a Reed Exhibitions Alcantara Machado, organizadora do evento, mas não conseguiu contato nesta quarta. A GL Events, administradora do São Paulo Expo, não confirmou nem desmentiu a informação. A SPTuris, administradora do Anhembi afirmou que não foi procurada pela Reed, e que o Salão continua no Anhembi.

O principal motivo para a troca, além da área de exibição maior, seria uma infra-estrutura melhor. O principal “gargalo” do Anhembi é a falta de um sistema de ar-condicionado. Em mostras com grande público, como o Salão do Automóvel, a principal reclamação de expositores e visitantes são o calor e a falta de ventilação no interior do pavilhão.

Na última edição do Salão, em 2014 (o evento é bienal), bem como no Salão Duas Rodas de 2015, a organização chegou a instalar climatizadores no local. Mesmo com o reforço, o problema não foi totalmente resolvido.

Maior e mais equipado
Mesmo com tais desconfortos, o Anhembi, com seus 77,7 mil m², é o maior centro de exposições da cidade. Pelo menos até a inauguração da modernização e ampliação do São Paulo Expo.

Junto ao pavilhão de 40 mil m², está sendo construído um novo, de 50 mil m². Ambos contarão com ar-condicionado. A reforma faz parte do investimento de R$ 300 milhões que a GL Events, administradora do local há cerca de um ano, anunciou para os próximos 54 meses.

Também estão sendo erguidos um edifício garagem com capacidade de 4,5 mil veículos e um centro de convenções de 10 mil m². Para melhorar o acesso, estão sendo construídas alças de acesso na rodovia do Imigrantes.

 

Fonte:http://g1.globo.com/

Share This: